“A vida não é medida pelo número de vezes que respiramos, mas pelos lugares e momentos capazes de tirar o fôlego” (Anônimo)

Finalmente em Fort Lauderdale, depois de muita turbulência (muito menos do vôo, muito mais de todo o resto haha) mas nada que não se resolva! Eu e a Alê chegamos na segunda, dia 20. Passamos o dia em Miami dando voltinhas e passeando pelo Aventura Mall (vale a visita… muitas lojas ótimas). Fort no fim do dia, achar o hotel, telefone, comida, etc, etc… para logo estar com tudo resolvido e começar a nova “aventura”.

Tudo isso para falar sobre o livro “1.000 lugares para conhcer antes de morrer” que eu super recomendo e que pretendo completar um dia! Ele não dá dicas só de cidades, mas como o próprio título sugere, são lugares (e cidades que realmente valem a pena em todos os seus aspectos) que precisam ser visitados por todos algum dia da vida…

No Brasil: Cruzeiro pelo rio Amazonas, Círio de Nazaré em Belém, Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, Surfar nas dunas de Natal, Fernando de Noronha, A arquitetura de Oscar Niemeyer em Brasília, Ouro Preto, Carnaval do RJ, Hotel Fasano em SP, Cataratas do Iguaçú em Foz, São Miguel das Missões no RS (ao lado da cidade em que nasci!) e muitos outros.

Já como estou aqui, EUA: Grand Canyon, Hollywood, Os bondes de São Franciso, Centro espacial Kennedy, Parque Nacional de Everglades, Key West, South Beach, Disney, Maui, Circuito de Blues de Chicago, Mardi Gras em Nova Orleans, Bellagio de Vegas e por aí vai…. 

 

Europa, Canadá, América Latina, Caribe, Bahamas, África, Oriente Médio, Ásia, Austrália, Nova Zelândia e Ilhas do Pacífico também aparecem com muitas dicas super interessantes. Então, meta para 2011? Aumentar o número de OK’s no livro ;D

P.S. Única observação: Fort Lauderdale não aparece, mas eu super recomendo a visita…. quem vem, se apaixona e ponto.

Malas?!?!?! O que levar? Dúvida cruel….

Arrumar as malas, para mim, é uma das partes mais complicadas da viagem… Por isso continuo aqui na luta para terminar de organizar tudo (e não esquecer nada, se possível…)

Pesar no que levar, separar tudo, organizar, pensar no que vai fazer, como será o clima, o que vai precisar…. Quanta informção!

Para as mulheres é uma tarefa ainda mais complexa, pois tudo é necessário…. “mas se eu quiser usar essa blusa com aquele sapato?”… a resposta é levar mais várias combinações e torcer para ter espaço para tudo na mala.

No meu caso, como é uma viagem internacional, posso levar 2 malas de 32kg cada e mais uma mala de mão de até 5kg. EUA é o paraíso das compras, então estou tentando levar pouca coisa (essa é a parte mais difícil) para conseguir trazer mais comprinhas na volta.

O Jornal Hoje exibiu uma reportagem sobre como arrumar a mala da melhor forma para otimizar espaço, vale uma espiadinha!

Boa sorte para mim e que eu termine a minha mala logo, por favor! haha

“Quero lhe falar, é bom viajar…”

Como estou em super clima de viagem, o post agora é sobre a minha viagem de AMANHÃ!

Estou indo para os EUA fazer Work Experience, intercâmbio de trabalho durante as nossas férias de verão (inverno deles).  Vou morar Fort Lauderdale-FL, onde já morei na temporada de 2008/2009 fazendo o mesmo programa. Super recomendo esse tipo de experiência para quem tiver oportunidade, pois vale muito a pena, a bagagem (em todos os sentidos haha) que você volta é incrível, pois é aprendizado em todos os momentos.

 

Muitas agências oferecem esse tipo de programa, com alguma variação de nome, mas a intenção é a mesma. Eu estou indo pela Intercultural aqui de Floripa. O ideal é fazer uma boa pesquisa antes e ver qual melhor atende as suas necessidades. Algumas outras opções: IE, STB, World Study, Cultural Adventure, Travel Mate, Global Experience e CI são algumas que eu conheço, mas existem muitas, algumas regionais, por isso vale a busca na sua cidade.

Para participar é necessário preencher alguns requisitos: Ser estudante universitário, ter inglês intermediário, idade entre 18 e 29 anos, flexibilidade e empenho no trabalho. É possível optar pelo tipo de intercâmbio, em que você procura seu emprego assim que chegar ao destino final ou a agência faz isso por você através de feiras de contratação.

Depois de decidir tudo isso é só escolher a cidade que pretende morar, procurar amigos para dividir casa, marcar a passagem, arrumar as malas e aproveitar MUITO! 

Vou contando todas as minhas aventuras aqui 😉

“We all want to be young”

Para começar o primeiro post do blog, escolhi um vídeo que está sendo muito comentado no momento por diversos setores, principalmente no meio publicitário e, também, foi trabalhado na minha aula de Comportamento do Consumidor da Pós (Gestão e Marketing de Moda no SENAC). Ele faz um resumo geral das gerações que com suas atitudes e ideais mudam e influenciam o rumo da sociedade e retrata como ela está sendo vista no momento: jovens que precisam sempre mais, muito mais, vivendo uma busca incansável por informações, novidades, realizações… Querendo saber sempre um pouco (ou muito) sobre tudo aqui e ali…

A BOX1824, empresa especializada em pequisa de tendências de comportamento e consumo, desenvolveu o vídeo “We all want to be young” através dos resultados de estudos realizado nos últimos 5 anos. Vale a pena conferir!

 

FRASE: “To understand the evolution of the world is a search that can keep us young forever…” (BOX1824)

 

 

www.box1824.com.br

Tudo aqui (e ali)…

Tudo aqui (e ali) surgiu para divulgar ideias, pensamentos, dicas, fatos e acontecimentos sobre TUDO que acontece AQUI E ALI

Será o início de uma viagem pelos mais diversos mundos.

Viagens, Publicidade, Moda, eventos, dicas, curiosidades e tudo mais que possa interessar. Uma costura de retalhos para formar um belo trabalho de patchwork. Um conjunto de imagens que se torna um incrível álbum e transmite mensagens através de interpretações.

Aprecie sem moderação e boa viagem!